fcb.portal.reset.password

Lionel Messi foi o entrevistado em 'ToT Cost', programa da emissora Catalunya Ràdio, de Barcelona, nesta segunda. O novo capitão do clube falou sobre a nova temporada, o desafio da Champions, novo elenco e alguns temas pessoais. Em seguida, vamos rever as declarações mais importantes de Messi na entrevista:

CAPITÃO

"É um verdadeiro orgulho ser o capitão deste clube por tudo o que isso significa, mas minha maneira de atuar no campo e fora dele não vai mudar. Será muito parecido com o que foi até hoje"

OS CAPITÃES ANTERIORES DE LA MASIA

"Sinto-me bastante identificado com todos. Nós crescemos todos nesta casa e vivemos e sentimos esse clube da mesma maneira "

"Talvez dos três, Iniesta- é com quem tenho mais semelhanças, mas também tenho o mesmo reconhecimento que Xavi ou Puyol para este clube. Então, obviamente, é uma referência importante para mim "

DISCURSO NO CAMP NOU ANTES DO TROFÉU JOAN GAMPER

"A verdade é que eu não estava preparado. Mas tinha que falar na frente do público. Eu sabia que não podia fugir e que tinha que fazer. Foi o que saiu naquele momento"

A RELAÇÃO COM A LIGA DOS CAMPEÕES

"É hora de vencer a Liga dos Campeões. Chegamos em três anos saindo nas quartas de final "

"Talvez o último tenha sido o pior resultado, depois da vantagem que tivemos, como foi o jogo ..."

"Temos uma equipe para competir e lutar pelo título"

A EVOLUÇÃO DO FUTEBOL

"É verdade que que tudo é mais equilibrado ... Há clubes com muito dinheiro que apostam forte, e hoje o jogador se movimenta mais por dinheiro do que pelo clube"

"Hoje há muito mais times que competem para ser os melhores, como os dois Manchester -City e United-, Chelsea, Madrid, PSG ... Este ano, as equipes italianas, nós ... há muitas equipes com grande capacidade econômica "

O NASCIMENTO DE THIAGO, UM PONTO DE REFERÊNCIA

"Desde que Thiago nasceu, meu primeiro filho, a verdade é que tento levar minhas derrotas de outra maneira. Mas mesmo assim é muito difícil. Eu sofro muito e me custa levantar do duro golpe"

"Thiago já começa a entender as coisas. Ele começou a gostar muito de futebol e a nos seguir, especialmente a mim com a seleção e o Barça "

A RELAÇÃO COM O GOL

"Eu não estava obcecado por marcar sempre, mas eu já estava entrando no campo mentalizando que precisava fazer um gol"

"Eu agora vivo de um jeito diferente. Agora eu prefiro fazer a assistência e que a jogada termine em gol. Mas se eu marcar, não é ruim "

OS NOVOS CONTRATADOS

"Gostei de todas as contratações que o clube fez neste verão"

"Eu acho que eles são todos muito bons. Mas se eu tiver que ficar com alguém, fico com o Arthur. Fiquei surpreso Eu não o conhecia bem e, deixando de lado as comparações, ele se aproxima do estilo de jogo de Xavi. "

"Sempre quer a bola, joga curto, não perde, você sabe que vai dar e não vai perder ... Você tem muita confiança e tem muita segurança nele"

O PERFIL DOS JOGADORES DO ELENCO

"O torcedor do FC Barcelona costuma querer sempre bons jogadores"

"Estamos acostumados a manter a posse de bola ao longo do jogo ... Mas acho que hoje jogadores como Arturo Vidal-, que jogam muito bem com a bola, trabalham muito fisicamente e ajudam defensivamente ... É muito importante tê-los em um elenco"

A COMPETITIVIDADE NO FUTEBOL

"Eu acho que o futebol passa cada vez mais pelo lado tático e físico. Está ficando mais difícil entrar nas defesas, os jogos são chatos ... "

FELIZ EM BARCELONA E NO CLUBE

"Eu tenho tudo em Barcelona. Estou aqui desde os 13 anos. Eu fiz toda a minha vida aqui, e estou no melhor time do mundo "

"A cidade, se não a melhor, é uma das melhores do mundo ... Eu tenho minha família, que é daqui. Meus filhos nasceram na Catalunha e não preciso ir a nenhum lugar por qualquer motivo "

Voltar ao início
_satellite.pageBottom();