fcb.portal.reset.password
Pedro Rodríguez celebrando um gol no Santiago Bernabéu

Pedro Rodríguez celebrando um gol no Santiago Bernabéu / MIGUEL RUIZ-FCB

12 de janeiro de 2008. Estreia com o time profissional do FC Barcelona em um duelo contra o Murcia, no Camp Nou. Entra nos minutos finais, substituindo Samuel Eto'o.

16 de agosto de 2009. Marca o seu primeiro gol pelo FC Barcelona na ida da final da Supercopa da Espanha, contra o Athletic Club, no Estádio San Mamés. 

28 de agosto de 2009. Decide a Supercopa da Europa contra o Shaktar Donetsk com um gol no segundo tempo da prorrogação e vira herói em Mônaco. 



16 de dezembro de 2009. Marca um gol contra o Atlante, na semifinal do Mundial de Clubes FIFA 2009 e se converte no único jogador do planeta a marcar nas seis competições de um mesmo ano. Três dias depois, marca o dele também na final da competição. .

10 de abril de 2010. Marca o 0-2 definitivo contra o Real Madrid no Santiago Bernabéu em uma Liga que acabaria com título culé.

26 de janeiro de 2011. Chega aos 100 jogos no time principal. Nesse período, marcou seus primeiros 41 gols. 

29 de janeiro de 2011. Sua melhor sequência de gols na Liga Espanhola, marcando em seis jogos consecutivos e igualando a marca de ex-craques do Barça como Escolà, Quini ou Stoichkov.

28 de maio de 2011. Marca o primeiro gol da final da Liga dos Campeões contra o Manchester United. O Barça venceu o duelo disputado no Estádio de Wembley, em Londres, por 3 a 1. 

21 de setembro de 2013. Marca o seu primeiro hat-trick em uma vitória por 4 a 0 sobre o Rayo Vallecano, em Madrid. Algumas semanas depois, marcaria mais dois, um contra o Getafe na LIga Espanhola e outro contra Huesca, na Copa do Rei. 

11 de agosto de 2015. Seu último gol como jogador do Barça decidiu novamente uma Supercopa da Europa. Mais uma vez, o gol chegou no segundo tempo da prorrogação. Desta vez, na cidade de Tbilisi (Geórgia).

Voltar ao início