fcb.portal.reset.password
Fotomontagem com Bravo e as bandeiras do Chile e do Barça.

Bravo, campeão da América / FCB

O Chile é o campeão da Copa América. O anfitrião da competição protagonizou uma festa inesquecível no Estádio Nacional de Santiago após superar a Argentina nos penaltis e conquistar pela primeira vez o título do campeonato de seleções mais antigo do mundo.

O goleiro do Barça, Claudio Bravo, foi o líder da seleção chilena e o encarregado de levantar o troféu de campeão. Por otro lado, Messi e Mascherano voltaram a sentir o sabor da derrota um ano após cair diante da Alemanha na final da Copa do Mundo de 2014.

Perfeição nos pênaltis

Após um empate sem gols no tempo normal e na prorrogação, a decisão foi para os pênaltis. Messi foi o único argentino que acertou a cobrança. Higuaín mandou para fora e Claudio Bravo defendeu a cobrança de Banega.

Do lado chileno, 100% de acertos até a ‘cavadinha’ de Alexis Sánchez que garantiu a taça e deu início a uma festa que já entrou para a história.

Voltar ao início