fcb.portal.reset.password

Suárez foi o autor do gol do Barça em Florença / MIGUEL RUIZ - FCB

Encerrando sua participação na International Champions Cup, o Barça perdeu por 2 a 1 para a Fiorentina no estádio Artemio Franchi, em Florença. O quarto amistoso da pré-temporada disputado no exterior – o time jogou três partidas nos Estados Unidos antes de ir à Itália – foi praticamente selado no início, quando os anfitriões aproveitaram o mau momento dos visitantes e abriram 2 a 0 no placar, com dois gols de Bernardeschi.

Suárez descontou pouco depois, e a equipe de Luis Enrique teve muitas oportunidades para marcar mais, sobretudo com Rakitic, Pedro e Munir, mas não conseguiu superar o bloqueio do rival. Agora, o foco se volta para o Troféu Joan Gamper, na próxima quarta-feira contra a Roma, antes das finais das Supercopas contra Sevilla e Athletic de Bilbao.

Primeiro tempo surpreendente

A Fiorentina surpreendeu o Barça nos primeiros minutos, principalmente pelo lado direito. Uma trama entre os espanhóis Joaquín e Borja Valero terminou em gol de Bernardeschi de cabeça já no minuto 4. Rakitic respondeu com uma jogada rápida, mas a Fiore estava inspirada: novamente Bernardeschi, aproveitando outro lance de Joaquin, ampliou o marcador no minuto 12.

Meio no susto, o time azul-grená teve que acordar. A dupla Rakitic-Suárez começou a funcionar, com o croata dando passes preciosos ao uruguaio. Em uma destas jogadas, a agremiação catalã descontou. Depois disso, passou a tentar o empate, principalmente com Pedro, algumas das quais pararam nas ações do goleiro rival, Tatarusano. A Fiorentina não atacava, e Ter Stegen quase não teve mais trabalho até o intervalo.

Empate frustrado

Com Munir no ataque após o descanso, o Barça continuou pressionando, graças em parte a boas intervenções do polivalente Sergi Roberto como lateral direito. A equipe local investia nos contragolpes. O cansaço fez o ritmo do jogo baixar, e Vermaelen, em lance de bola parada, quase empatou no minuto 80. Mas foi só.

Bartra, Sandro, Masip e Gumbau também entraram na etapa complementar, e Luis Enrique pôde fazer mais testes. Como saldo final, o Barça amargou sua segunda derrota em quatro embates pela International Champions Cup.

Voltar ao início