fcb.portal.reset.password
Os jogadores brasileiros celebram um dos gols de Diego Tardelli em Pequim

Os jogadores brasileiros celebram um dos gols de Diego Tardelli em Pequim / FOTO: CBF.COM

A Seleção Brasileira de Neymar Jr venceu a Argentina por 2 a 0 no Superclássico das Américas disputado neste sábado, em Pequim. Mas o craque brasileiro não foi o destaque do jogo. Muito menos Leo Messi. O grande protagonista do duelo foi o atacante Diego Tardelli, que marcou os dois gols da partida. O duelo teve um pênalti desperdiçado por Messi antes do intervalo.

Posse argentina, gol brasileiro

A Argentina dominou a posse de bola durante os primeiros minutos de jogo. A equipe do ex-técnico Barça, Gerardo 'Tata' Martino, controlou a partida e acuou o Brasil na defesa. Entretanto, foi a equipe comandada por Dunga que abriu o placar. No minuto 31, Diego Tardelli se aproveitou de uma falha dos zagueiros Demichelis e Fernández e bateu de primeira para abrir o placar com um golaço 

Antes do intervalo, Neymar Jr e Messi também tiveram a sua cota de protagonismo. O atacante brasileiro fez uma jogada sensacional que por muito pouco não acabou em gol. Já o argentino perdeu um pênalti bastante polêmico, que significaria o empate argentino. 

Neymar Jr e Messi

O segundo tempo começou com mais intensidade. Neymar Jr se converteu na principal referência ofensiva para os brasileiros, com assistências e provocando cartões amarelos para Mascherano e Fede Fernández. No minuto 63, vei o segundo gol brasileiro. Após a cobrança de escanteio pela esquerda do ataque brasileiro, David Luiz tentou a cabeçada e bola sobrou limpa para Tardelli, também de cabeça, ampliar. 

Por outro lado, Messi liderou os ataques argentinos nos últimos minutos da partida, com cobranças de falta e jogadas individuais que assustaram os brasileiros. Mas no final, triunfo canarinho na nova edição do Superclássico das Américas

Voltar ao início