fcb.portal.reset.password

Sergio Busquets, durante o treino desta segunda-feira / MIGUEL RUIZ-FCB

Sergio Busquets, que há dias renovou seu contrato com o FC Barcelona até 2019, concedeu entrevista coletiva após o treino desta segunda-feira na Cidade Esportiva, na qual abordou a segunda partida da semifinal da Copa do Rei, que o time disputa quarta-feira contra o Villarreal, no El Madrigal, entre outros assuntos. A seguir, resumimos as declarações mais destacadas do volante culé:

O jogo

"Partimos com uma pequena vantagem [o Barça venceu o jogo de ida por 3 a 1 no Camp Nou] e estamos a um passo da final, mas será difícil. O Villarreal terá que mudar sua forma de jogar".

"O Villarreal tem um elenco muito grande, com muitos jogadores jovens. Merecem todo o meu respeito, do número 1 ao 25".

Vitória em Granada

"Gostaria de ver qualquer equipe jogando nas condições em que jogamos nesse campo. Era difícil de o jogo fluir. Mas o mais importante eram os três pontos".

Tropeço do Madrid

"Esperávamos ganhar em Granada. Sabemos que estamos em desvantagem, e que quando o Madrid perde ou não ganha [o time empatou com o Villarreal] devemos aproveitar".

"O tropeço deles não muda nossa maneira de pensar. Temos que ir para ganhar todas as partidas, como sempre".

"Dependemos de nós mesmos, não muda nada de uma semana a outra".

Barça x Madrid

"Ainda há duas rodadas antes do Clássico. Não sei se será decisivo. Tomara que seja decisivo para nós. Que seja decisivo ou não depende de muitas coisas impossíveis de saber hoje".

Momento Pessoal

"Acho que sou um jogador bastante regular. Tento fazê-lo da melhor forma possível todos os dias".

"Não busco ser uma referência, apenas trabalhar dia após dia. Também sei que, quando se está no time principal há tantos os anos, podemos ser observados pelos mais jovens".

Elogios a Bravo

"Há muito tempo que ele joga na Liga e também a nível internacional, com sua seleção. É uma pessoa que nos traz tranquilidade, experiência e liderança".

Voltar ao início