fcb.portal.reset.password

Leo Messi levou para a casa a bola do jogo que marcou seu 30º hat-trick / FOTO: MIGUEL RUIZ - FCB

Leo Messi não para de estabelecer recordes e realizar façanhas com a camisa do FC Barcelona. O último feito histórico do craque deu-se no domingo no estádio de Riazor, em La Coruña, na goleada por 4 a 0 da equipe azul-grená sobre o Deportivo, quando ele anotou o seu trigésimo hat-trick pelo clube

Isso significa que, em nada menos que 30 vezes, Messi marcou três ou mais gols em um mesmo jogo. Os tripletes ocorreram em quatro competições diferentes: Liga, Champions, Copa do Rei e Supercopa da Espanha.

A primeira vítima: Real Madrid

Este impressionante retrospecto não poderia ter começado em melhor estilo. A primeira vez que Leo estufou barbantes do adversário em três ocasiões em uma mesma partida foi contra o principal rival culé, o Real Madrid, em duelo válido pela Liga 2006/07 disputado no Camp Nou e terminado em 3 a 3. E não foi a única vez que o camisa 10 causou danos triplos aos merengues: na temporada 2013/14 ele repetiria a dose em um 4 a 3 para o Barça em pleno estádio Santiago Bernabéu.

Os principais alvos

Além do Real Madrid, Almería, Atlético de Madrid, Espanyol, Málaga e Sevilla – na fantástica virada que deu ao Barça o título da Supercopa da Espanha de 2010 - também contribuiram para estas fabulosas estatísticas, cada qual recebendo dois hat-tricks de Messi. As duas equipes que mais penaram com isso, porém, foram Osasuna e Valencia, que tiveram que lidar com chuvas de gols do artilheiro em três oportunidades distintas. No total, 19 times diferentes foram alvos dos tripletes do maior goleador da história da Liga e da Champions, incluindo clubes de renome internacional como Arsenal e Ajax.

Três "pôqueres " e um "repôquer "

E tem mais. Entre estes 30 jogos há três "pôqueres" (4 gols marcados em uma mesma partida) e um "repôquer" (5 gols). O Valencia foi uma das vítimas quadruplamente bombardeadas na goleada por 5 a 1 no Camp Nou na Liga 2011/12, enquanto o Osasuna também sucumbiu ao poder de fogo do rosarino nestes termos uma temporada depois, no mesmo local e por placar igual. A outra ocasião foi o mítico embate pelas quartas de final da Champions 2009/10 contra o Arsenal (4 x 1) no Camp Nou.

Não bastando tantos recordes, Messi quebrou mais um no jogo de volta das oitavas de final da Champions 2011/2012, ao se tornar o primeiro jogador a anotar cinco tentos em um mesmo jogo – a goleada por 7 a 1 contra o Bayer Leverkusen, também em casa.

Voltar ao início