fcb.portal.reset.password
Neymar celebra um dos gols contra o Japão.

Neymar celebra um dos gols contra o Japão. / FOTO: Miguel Ruiz-FCB.

No último sábado, contra a Argentina, o atacante Neymar Jr levantou o seu primeiro troféu como capitão da Seleção Brasileira. Apesar disso, não marcou gols e afirmou: "Fiquei devendo, espero poder compensar nos próximos jogos". Dito e feito.

No amistoso desta quarta-feira, o atacante do FC Barcelona marcou os quatro gols da vitória por 4 a 0 do Brasil sobre o Japão, em um amistoso disputado no Estádio Nacional de Cingapura. Teve gol para todos os gostos. Driblando o goleiro, com o pé direito, com o pé esquerdo e de cabeça. Um 'pôquer' perfeito - nome dado na Europa para quatro gols de um mesmo jogador na partida. 

Foi a primeira vez que Neymar Jr marcou quatro gols na equipe profissional do Brasil. Uma façanha que ocorreu pela última vez em 2000, através de outro brasileiro ídolo do Barça, Romário. Mas não foi o primeiro pôquer de Neymar com a camisa da seleção do seu país. Em 2011, na estreia do Sul-Americano Sub-20 do Peru, o Paraguai foi o primeiro a sofrer com um dia de extrema inspiração do atacante culé. 

O 7º maior artilheiro

Os quatro gols de Neymar Jr contra o Japão lhe situaram na 7ª posição no ranking dos maiores artilheiros da Seleção Brasileira, com 40 gols em 58 jogos (oficias e não-oficiais) e se igualou a Roberto Rivellino. Agora, o craque brasileiro voltará a pensar na Liga Espanhola, já que o FC Barcelona enfrenta no próximo sábado, às 18h (13h de Brasília), em jogo válido pela 8ª rodada da competição. 

FICHA TÉCNICA

JAPÃO, 0
BRASIL, 4

Japão: Kawashima, Ota, Morishige, Sakai, Shiotani, Taguchi, Shibasaki (Suzuki, min 83), Morioka (Honda, min 46), Okazaki, Tanaka y Kobayashi (Muto, min 52).

Brasil: Jefferson, Danilo (Fernandes, min 46), Miranda, Gil, Filipe Luis, Luis Gustavo (Souza, min 72), Elias (Kaká, min 75), Willian (Ribeiro, min 46), Oscar (Coutinho, min 46 ), Tardelli (Robinho, min 65) y Neymar.

Gols: 0-1 Neymar (min 18), 0-2 Neymar (min 48), 0-3 Neymar (min 77), 0-4 Neymar (min 80).

Voltar ao início