fcb.portal.reset.password

Messi, em entrevista à Barça TV / FOTO: MIGUEL RUIZ-FCB

Depois de marcar um gol e participar dos outros dois na vitória por 3 a 1 sobre o Atlético de Madrid, Leo Messi também foi protagonista também fora de campo. Logo após o jogo, o atacante argentino compareceu ao programa 'El Marcador', da Barça TV e rebateu vários rumores, tanto sobre sua suposta má relação com Luis Enrique quanto em relação a sua suposta saída do FC Barcelona.

"Já se falou muitas vezes que eu tinha má relações com Guardiola, Eto'o, Ibrahimovic, Bojan... que teria mandado muita gente embora. Isso não é nem um pouco verdade", disse, a respeito dos rumores de que teria pedido ao presidente Josep Maria Bartomeu a demissão do atual técnico.

Permanência

Ainda segundo o atacante, são totalmente falsas as informações de que seu pai e empresário, Jorge Messi, teria se reunido com equipes como Manchester City e Chelsea para tratar de sua transferência. "Não exigi nada para ficar, porque nunca tive a intenção de ir a lugar nenhum", garantiu. "Estou cansado de ouvir muitas coisas sobre mim. Criam esta imagem de que mando no clube, quando sou apenas um jogador mais. Não tomo decisões, nem peço que as tomem".

Para Messi, as especulações são especialmente incômodas porque, acredita ele, vêm de entornos próximos ao clube, e não da concorrência. "Dói, porque veio de Barcelona. Não de Madri. Há gente que quer prejudicar o clube, e é importante que agora, mais do que nunca, estejamos unidos, porque vêm coisas importantes por aí ".

Bola de Ouro

O craque comentou também sobre a entrega da Bola de Ouro, da qual é um dos três finalistas, nesta segunda-feira. "Sendo realista, acho que está complicado", opinou. "Iremos e curtiremos o evento. Cristiano Ronaldo e Neuer tiveram um ano espetacular. Um ganhou a Champions e a Copa e fez muitos gols, o outro ganhou o Mundial".

Voltar ao início