fcb.portal.reset.password

Andrés Iniesta foi eleito o MVP da final / MIGUEL RUIZ-FCB

Melhor jogador da partida segundo a UEFA, Andrés Iniesta estava muito emocionado após a conquista de sua quarta Champions League, a quinta da história do Barça. Momentos depois de que Xavi erguesse o troféu, o camisa 8 culé falou sobre a conquista de seu segundo triplete e da importância de seu velho amigo, que se despediu do clube. "Hoje era o dia do Xavi e ele tinha que erguer esta Champions", afirmou. "Foi o final de temporada perfeito que todo jogador gostaria de ter. É um jogador único, lhe desejo o melhor".

Sobre o jogo, Iniesta opinou: "é uma final, e com um grandíssimo time, a Juve, que nos dificultou muito. Sofremos na hora de sofrer e concluímos quando deu". Para ele, "o mais importante, porém, é aproveitar este momento, porque é muito complicado conseguir o triplete". Para concluir, o tetracampeão europeu admitiu: "sou todo orgulho e felicidade. Não há palavras para descrever o que fizemos novamente nesta temporada. Foi um dia espetacular".

A seguir, os depoimentos de outros jogadores do Barça:

Luis Suárez

"Quando você vem a um time como o Barça, você quer ganhar títulos como a Champions, e quando você consegue com a equipe dos seus sonhos é ainda mais gratificante. Sonhava com isso desde pequeno e nunca me esquecerei".

"Tive a sorte de que o rebote me deixasse livre e pude ajudar e tranquilizar o time, para que o Neymar arrematasse no final. "

Ivan Rakitic

"Foi uma partida impressionante e merecíamos, pelo trabalho que fizemos durante todo o ano. Quero dar os parabéns à Juventus, que fez um grande jogo".

"O gol de hoje é, sem dúvida, o mais importante de minha carreira".

Xavi Hernández

"Ainda não acredito no final de temporada que estou vivendo. É magnífico. Todo o time merece, a torcida, que veio a Berlim e foi espetacular, e todos os que nos acompanham sempre no Estádio".

"Esta geração está fazendo história. O triplete não se consegue facilmente e todos tanto jogadores como torcedores, temos que aproveitar. Eu vou, mas vou com a certeza de que eles continuarão ganhando".

"Depois de erguer a Champions, já estou com nostalgia, porque sei que não usarei mais esta camisa. Fui feliz, dei tudo e não posso pedir mais. Foi insuperável. Estou muito feliz e orgulhoso".

Sergio Busquets

"É um momento histórico, incrível. Em 2009 conseguimos e parecia que era algo que nunca aconteceria novamente e, anos depois, aqui estamos de novo. O time e o clube entraram para a história e isso é o mais importante ".

Voltar ao início