fcb.portal.reset.password

Neymar, após ser atingido por Zuñiga / FOTO: FIFA

Capa Olé

O mundo do futebol lamenta de forma unânime a saída precoce de Neymar Jr. da Copa do Mundo 2014. Após sofrer golpe do jogador colombiano Zúñiga, em partida válida pelas quartas de final, o craque brasileiro teve a terceira vértebra lombar fraturada e não poderá jogar por sua seleção a semifinal contra a Alemanha, nem uma eventual final.

A imprensa mundial deu grande destaque ao episódio. Até mesmo o diário argentino Olé, especializado em atiçar os brasileiros, demonstrou consternação. Antes do anúncio do corte do craque, o periódico portenho mantinha na página inicial de seu site a manchete “continuam chorando”, em referência ao fato de Neymar ter saído aos prantos de campo por causa das dores, e à série de provocações que vinha fazendo nos últimos dias ao choro de diversos jogadores brasileiros no jogo contra o Chile.

Ao saber do diagnóstico, porém, o Olé mudou seu enfoque, publicando, também em sua versão impressa deste sábado, a capa estampada com imagem do camisa 10 e a manchete: “Queríamos ganhar dele”:

A capa do Olé

A contusão foi destaque também das principais publicações esportivas europeias:

Mundo Deportivo'Neymar fora da Copa por fratura na coluna'

Sport  - 'Adeus ao sonho do Mundial!'

L’Équipe  - 'Fim de mundial para Neymar!'

La Gazzetta dello Sport - 'Infortúnio: fratura de uma vértebra, fim de Mundial'


Voltar ao início