fcb.portal.reset.password

Rakitic, durante a primeira partida da LIga no Camp Nou / FOTO: MIGUEL RUIZ - FCB

Elche, Athletic Club e APOEL FC saíram do Camp Nou sem pontos nem gols. Neste sábado, às 18h (13 de Brasília), no seu terceiro jogo em sete dias, o FC Barcelona tentará incluir o Granada nesta lista. Não será uma tarefa fácil e ainda é bastante recente a lembrança da derrota sofrida diante do rival andaluz no estádio Los Cármenes, em abril deste ano. Sem falar na vitória sofrida conquistada sobre eles em casa no início da temporada 2012/13 (2-0).

Os craques comandados por Luis Enrique terão que estar alertas. O técnico culé inclusive buscou avisar a sua equipe na última sexta-feira. “É um rival organizado, forte na defesa, poderoso na bola parada e com transições rápidas. Nos trará dificuldades”. Por esse motivo, lembrou a importância de seguir melhorando dia após dia. A equipe segue em crescimento e não deve frear o seu ímpeto por culpa de uma empate sem gols contra o Málaga, na última quarta-feira.

Regressam Alves e Mathieu

Para superar o rival, Luis Enrique contará com 16 jogadores do time principal e com Munir e Sandro, do Barça B. Alves e Mathieu, descartados contra o Málaga, voltam à lista de convocados. Por outro lado, Masip e Rafinha seguem lesionados e nomes como Piqué, Douglas, Alba e Vermaelen estão fora, por decisão técnica.

O Granada quer surpreender

O FC Barcelona enfrentará um adversário com um bom retrospecto nas cinco primeiras rodadas. Só possui um deslize: o tropeço contra o Levante, há três dias (0-1). Até então, a equipe comandada por Joaquim Caparrós ocupava posições que garantem vagas nas competições europeias e tinham inclusive vencido no difícil estádio de San Mamés, em Bilbao.

O Granada não poderá contar para esta partida com os ex-jogadores culés Rochina e Juan Carlos. Por outro lado, Oier Olazábal, goleiro do Barça entre 2007 e 2014, voltará a pisar no Camp Nou.

Voltar ao início