fcb.portal.reset.password

Sylvinho e Belletti na homenagem a Deco /Foto: FCB

Três dos ex-culés brasileiros que se reuniram na sexta-feira no jogo em homenagem a Deco, que se aposentou do futebol, falaram sobre o Barça atual, dando palpites sobre como será o novo time comandado por Luis Enrique e as novas contratações.

O próprio Deco também opinou, classificando o ex-companheiro e amigo Leo Messi como "o melhor jogador da história do Barça". O brasileiro naturalizado português afirmou que "ninguém repetirá o que ele fez" e que deve-se prestar atenção ao que o craque "ainda pode fazer" pelo clube.

Sobre a chegada de Luis Suárez, o meia vencedor da Champions em 2006 pelo FC Barcelona foi só elogios: "adoro, é um atacante parecido ao Eto'o de seus melhores anos. Trabalhador, com personalidade e que marca gols".

Luis Enrique, o reforço preferido de Belletti

Outro ex-jogador que também falou sobre a nova etapa do Barça foi Belletti. O comentarista vê a equipe muito diferente da que defendeu, mas acha que com Luis Enrique "voltará com muita força e ganhará o que disputar".

Para o autor do gol da final de Paris em 2006, "o Barça tem seu sistema de jogo já incorporado", e aposta que Luis Enrique tentará melhorá-lo com a ajuda dos novos reforços. Ele revelou especial admiração pelas novas caras sul-americanas do elenco, mas considera que a grande contratação foi a do ex-técnico do Celta de Vigo.

O ponto forte: treinos

Sylvinho, que também participou da festa em tributo a Deco, também rasgou seda ao asturiano. "É uma pessoa muito séria, muito bom técnico, jovem e com muita dinâmica", disse o ex-lateral culé, que coincidiu com Luis enrique em mais de um treino. "Conhece o clube muito bem, estou convencido de que fará um grande trabalho".

Sobre a conexão Messi, Neymar e Suárez, Sylvinho acredita que fará grande sucesso: "na nossa época se dizia que Xavi e Iniesta não poderiam jogar juntos ... Andrés tinha 18 anos e se questionava como jogaria ao seu lado, e depois a dupla ganhou tudo. Luis Enrique encontrará lugar e funções para todos".

Por último, Sylvinho expressou confiança em que as glórias voltarão ao Camp Nou: "Os títulos virão. Estou muito contente com o retorno do Luis Enrique. Quando ele dirigia o Barça B, vi que ele fazia uns treinos fortes, competitivos, com muita qualidade e um nível de exigência muito alto. É o melhor para o cargo", concluiu.

 

Voltar ao início