fcb.portal.reset.password

Messi comemora seu gol contra o Villarreal / FOTO: VICTOR SALGADO - FCB

A vitória contra o Villarreal no primeiro jogo das semifinais da Copa do Rei foi a décima consecutiva obtida pelo FC Barcelona este ano. Analisamos este e outros dados importantes registrados no Camp Nou na noite de quarta-feira:

  • Décima vitória seguida do Barça na temporada. Desde 4 de janeiro o time não sabe o que é perder ou empatar, somando 37 gols a favor e 8 contra no período.
  • É o melhor retrospecto desde a inesquecível temporada 2008/09, quando a equipe de Pep Guardiola totalizou 11 triunfos consecutivos.
  • A pontaria do ataque está impecável, tendo estufado barbantes rivais 20 vezes nos últimos cinco jogos. Os placares foram 6 a 0 contra o Elche, 3 a 2 no Atlético de Madrid (ambos fora de casa), 3 a 2 no Villarreal no Camp Nou e 5 a 2 no Athletic, em Bilbao, além dos 3 a 1 de ontem.
  • Com seu gol contra o Villarreal, Gerard Piqué já marcou nas três competições em 2014/15. O zagueiro contabiliza cinco bolas nas redes adversárias, sendo três  pela Liga, uma na Champions League e outra na Copa.
  • Piqué é o primeiro jogador de defesa do elenco azul-grená a conseguir isso no atual ano futebolístico, se juntando aos atacantes Messi, Neymar Jr, Suárez e Sandro.
  • Ainda temos meia temporada pela frente, mas com estes cinco gols o camisa 3 já superou seu próprio recorde. Apoel, Espanyol, Córdoba, Elche e Villarreal foram suas vítimas.
  • Neymar Jr bateu o terceiro pênalti desperdiçado pelo Barça na temporada. Messi foi o cobrador nos outros dois, perdidos nos 5 a 0 contra o Levante fora de casa e na vitória por 1 a 0 contra o Atlético no Camp Nou (pela Copa).
  • Rafinha, Iniesta e Mascherano formaram pela primeira vez o meio de campo do Barça. Os três haviam estado juntos em campo em três ocasiões, mas sempre com Mascherano na zaga.
  • Mascherano, aliás, foi um dos destaques da partida. O argentino, que retornava à equipe, acertou 86 passes e errou apenas 4.

     O gráfico mostra os passes de Mascherano. Em verde, os certos; em vermelho, os errados.

Voltar ao início