fcb.portal.reset.password

O capitão Xavi ergue a primeira Supercopa da Catalunha / FOTO: MIGUEL RUIZ-FCB

O FC Barcelona conquistou na noite desta quarta-feira sua primeira Supercopa da Catalunha de sua história, contra o Espanyol no estádio de Montilivi, em Girona. O título se soma às oito copas Catalunha que já figuram na sala de troféus do Camp Nou.

Com Piqué, Jordi Alba e Pedro entre os titulares, além da volta de Adriano, o Barça mandou no jogo no início. Piqué abriu o placar para os culés no minuto 15 do primeiro tempo, após receber bonito cruzamento de Suárez, que pouco antes tivera ótima oportunidade de marcar.

Empate

No segundo tempo, porém, o Espanyol voltou mais aceso no jogo. Com várias substituições em ambas as equipes, a partida ficou mais equilibrada, e Arbilla empatou para os rivais no minuto 6 da etapa complementar em golaço de falta. Depois disso, a partida ficou indefinida, com ambas as equipes tendo chances. O empate persistiu, levando a decisão aos pênaltis.

Nas cobranças, o Barça fez 4 a 2, com direito a uma defesa do estreante Masip - que já salvara o Barça em lance aos 41 minnutos da etapa complementar - e selou a vitória. O capitão Xavi, que entrou no segundo tempo, teve a honra de erguer mais uma taça.

Novo formato

Inicialmente, a competição seria disputada durante a pré-temporada, mas problemas de agenda dos dois clubes ocasionaram o adiamento, pela Federação Catalã de Futebol (FCF) para esta quarta, bem como sua adaptação a um formato diferente do da antiga Copa.

Agora, há três minitorneios diferentes: a Supercopa Catalã (FC Barcelona x Espanyol, representantes catalães na primeira divisão da Liga Espanhola), a Copa Catalunha Absoluta (times das segunda e terceira divisão, mais os campeões da Primeira Divisão Catalã), e uma Copa Catalunha Amadora com os melhores das divisões inferiores catalãs.

Voltar ao início