fcb.portal.reset.password
Messi e Pedro celebram um gol em Sevilha.

Messi e Pedro celebram um gol em Sevilha. FOTO: MIGUEL RUIZ-FCB.

O FC Barcelona recuperou a liderança da Liga Espanhola com uma vitória de virada sobre o Sevilha (1-4) debaixo de muita chuva, no estádio Sánchez Pizjuán. A equipe de Tata Martino mostrou garra e determinação numa partida complicada e conseguiu três pontos importantíssimos, que devolvem o time ao lugar mais alto da tabela.

Alberto Moreno abre o placar

O Sevilha começou a partida de forma intensa, pressionando a saída de bola do Barça, que não se sentia cômodo para criar as jogadas e oferecer o rendimento de sempre. A forte chuva que caia no Sánchez Pizjuán e o gramado encharcado também dificultavam o estilo de jogo culé.

O Barça sentiu a pressão inicial e nos primeiros 10 minutos não pisou na área sevilhana. A situação piorou no minuto 13, quando após uma jogada pela direita a bola passeou na área de Valdés até chegar no pés de Alberto Moreno. Ele soltou a bomba da entrada da área, a bola desviou em Bartra e enganou Valdés. Sevilha 1 a 0. 

Virada com Alexis e Messi

A desvantagem no marcador e a intensidade do Sevilha sufocavam um Barça que não encontrava espaço para respirar. Mas aí a garra e um pouco de sorte fez a diferença. Falta na intermediária. Messi levantou a bola na área e Alexis marcou com as costas, num lance onde os sevilhanos pediram impedimento.

Antes do final do primeiro tempo, veio a virada através de um contra-ataque letal. Pedro recebeu na esquerda, avançou, trouxe para o meio e rolou para Messi na entrada da área. Ele dominou e mandou uma bomba indefensável no canto esquerdo do goleiro Beto. Barça 2 a 1.

Messi devolve a tranquilidade

No segundo tempo, tudo mudou. O jogo do Barça começou a fluir e o Sevilha perdeu a intensidade da etapa inicial. O domínio era culé e, no minuto 55, Messi recebeu outra bola na entrada da área. O argentino surpreendeu a todos com um toque de gênio, sutil, no cantinho do goleiro rival. Outro golaço, o 21º dele na temporada.

Cesc define a goleada

Após o terceiro gol culé, o equilíbrio prevaleceu e as oportunidades surgiram de ambos os lados. O Sevilha perdeu algumas chances claras. Numa delas, Víctor Valdés salvou com o pé um disparo à queima-roupa de Gameiro após defender um disparo de Bacca. Alheio aos sustos, o Barça seguia buscando o gol do adversário e acabou recompensado.

No minuto 87, Cesc recebeu um passe de Alexis na marca do pênalti e deu um toque por cobertura. Outro golaço para definir a goleada no Sánchez Pizjuán. Com o resultado, o Barça chegou aos 57 pontos e é novamente líder da Liga Espanhola, empatado em pontos com o Atlético e o Real Madrid, mas com vantagem no saldo de gols.

Voltar ao início