fcb.portal.reset.password

Piqué, com o livro solidário/ FOTO: MIGUEL RUIZ - FCB

Piqué revelou confiar plenamente no futuro da equipe. / FOTO: ARQUIVO FCB

O zagueiro Gerard Piqué está convencido que todos voltarão a ver a melhor versão do FC Barcelona. "Talvez não tenha sido a nossa melhor temporada, mas tenho certeza de que vamos nos levanter. Não é a primeira vez que passamos por momentos ruins e sempre conseguimos nos recuperar", declarou o zagueiro na apresentação da 10ª Edição do livro 'Relatos solidários do esporte". Neste contexto, explicou que a partida contra o Athletic Club foi a primeiro passo rumo à recuperação. "Vínhamos de uma partida difícil e a equipe desmonstrou caráter e jogo contra um rival forte". 

O camisa 3 do FC Barcelona assumiu que a culpa dos maus resultados "é principalmente dos jogadores". Entretanto, ressaltou que "faltou que todos remassem na mesma direção". De qualquer forma, Piqué ainda não desistiu da Liga Espanhola. "Acredito no título e que, apesar de ser difícil, somo um clube que já ganhou mais de uma vez na última rodada", destacou. 

Um futuro promissor

O zagueiro do FC Barcelona afirmou que vê um "futuro promissor a apaixonante" para o clube mesmo sem a conquista de nenhum título nesta temporada. "Confio nas pessoas que comandam o Barça e também nos jogadores. E temos qualidade de sobra".

Piqué também falou sobre dois dos seus companheiros de equipe, Leo Messi e Cesc Fàbregas. Com relação ao craque argentino, revelou não entender a críticas que sofreu. "É algo que não entendo. É o número 1 e a peça fundamental dessa equipe. Penso que graças a ele ganhamos tudo nos últimos anos. Na minha opinião, estamos falando do melhor jogador da história", enfatizou. "Sei que ele estará aqui durante muitos anos porque ama o clube e a cidade", completou.

Já sobre Cesc, que foi vaiado por uma parte da torcida no último domingo, declarou: "Não é agradável ser vaiado, principalmente em casa. Penso que é um erro culpar apenas um jogador. A culpa é de todos, não apenas dele", afirmou.

Voltar ao início