fcb.portal.reset.password
Pelé, o melhor jogador de todos os tempos, durante a entrevista para TIME

Pelé, o melhor jogador de todos os tempos, durante a entrevista para a revista TIME.

Edson Arantes do Nascimento (73 anos) - o popular Pelé - ofereceu uma entrevista à revista TIME onde revelou qual seria o time dele caso estivesse em atividade nos dias atuais. “Hoje, eu jogaria pelo FC Barcelona”, afirmou. Segundo o melhor jogador da história do futebol mundial, o Barça é a equipe que joga o futebol mais parecido com o do Santos da década de 60. 

Pelé, que tem um novo livro (‘Why Soccer Matters’) também afirmou que seria muito melhor atleta nos dias atuais. “Sem dúvida. A tecnologia de hoje, a medicina e a proteção aos jogadores são muito melhores. Atualmente, é mais fácil jogar. Seria muito melhor do que antes”, declarou.

Apesar do futebol ainda não ser um sucesso de público nos EUA como é em países da América do Sul e Europa, o ex - jogador do New York Cosmos acredita que os Estados Unidos possuem um projeto futebolístico para a juventude muito bem organizado e melhor que os encontrados em qualquer estado do Brasil, Espanha e Argentina. Com relação a Copa do Mundo, Pelé ressaltou que na opinião dele o Brasil é favorito.

Pelé vs Barça

Apesar de nunca ter vestido a camisa do FC Barcelona como jogador, Pelé teve a oportunidade de enfrentar o Barça quatro vezes com a camisa do Santos. A primeira delas foi em 1959. O Santos goleou o Barcelona num amistoso realizado no Camp Nou por 5 a 1, com dois gols de Pelé. Um ano depois, no mesmo cenário, foi a vez do Barça vencer (4-3) um novo amistoso entre ambas as equipes.

O Santos regressou ao Camp Nou em junho de 1963, após conquistar o bicampeonato mundial de clubes. Apesar de ser considerado o melhor jogador do mundo na época, Pelé não conseguiu evitar a derrota por 2 a 0. Já o último confronto dele contra o Barça ocorreu em Cádiz, em 1974. Liderados pelo holandês Johan Cruyff, o clube catalão goleou o Santos por 4 a 1. Nessa ocasião, a equipe brasileira era apenas uma sombra do time que encantou o mundo nos anos 60 e Pelé estava próximo de embarcar para a sua aventura nos EUA.

Voltar ao início