fcb.portal.reset.password
Messi comemora o primero gol com o seu companheiro Adriano.

Messi comemora o primero gol com o seu companheiro Adriano. FOTO: MIGUEL RUIZ-FCB.

O FC Barcelona está classificado para as quartas-de-final da Copa do Rei. A equipe de Tata Martino garantiu a vaga entre os oito melhores da competição com uma vitória por 2 a 0 sobre o Getafe, no Coliseum Alfonso Pérez, em Madrid. Leo Messi marcou os dois gols da vitória e já soma quatro em três partidas disputadas após o seu regresso. Por outro lado, a alegria da classificação foi ofuscada pela lesão do atacante Neymar Jr, no minuto 22 da partida.

A lesão de Neymar Jr.

O primeiro tempo do duelo em Getafe contou com pouco futebol. Acomodado pela excelente vantagem adquirida no jogo de ida no Camp Nou, o Barça controlava o partida tranquilamente, mas sem apertar o ritmo. Sem forças para ameaçar o clube azul-grená, o Getafe não dava mostras de ser uma equipe que precisava reverter um resultado de 4 a 0.

Nos primeiros minutos da partida, o Barça oferecia perigo principalmente pela esquerda com as investidas do atacante Neymar Jr. Mas no minuto 22 aconteceu o que ninguém esperava. Numa jogada na linha de fundo, o jogador brasileiro sofreu um entorse no tornozelo direito e teve que ser substituído por Alexis. A lesão do craque brasileiro disparou todos os alarmes entre os torcedores culés que terão que esperar mais algumas horas para conhecer o alcance exato da contusão.

Messi abre o placar

A inesperada mudança no ataque do Barça não surtiu efeito na intensidade do jogo da equipe. Ambas as equipes mantinham um ritmo que não contava com muita empolgação ofensiva. E quando a primeira parte tinha toda a pinta de um empate sem gols, apareceu o genial Leo Messi para mudar as coisas. No minuto 43, Tello avançou pela esquerda e cruzou. O atacante argentino se adiantou ao zagueiro e, com a barriga, abriu o placar a favor da equipe azul-grená. O gol trouxe um pouco de calor à gélida noite madrilenha e o time de Tata Martino chegou ao intervalo ainda mais tranquilo.

Obra de arte de Messi

O melhor da noite ainda estava por vir. No minuto 63, o craque argentino recebe uma bola na intermediária, passa por quatro jogadores, dribla o goleiro e só empurra para as redes. Um gol de gênio, ao melhor estilo Messi. Foi o 18º gol da estrela do FC Barcelona, o quarto dele em três jogos disputados após o seu retorno. Agora mesmo, ninguém mais faz piada com a frase do técnico Tata Martino que assegurava ter visto um ‘olhar assassino’ em Messi após o seu regresso. O matador está de volta.

700 vezes Xavi

A outra grande notícia da noite foi a histórica participação do Xavi Hernández no duelo contra o Getafe. O meia atingiu a marca de 700 jogos oficias com a camisa do FC Barcelona, um recorde absoluto na história do clube.


Voltar ao início