fcb.portal.reset.password
Gol de Piqué contra o Málaga.

Gol de Piqué contra o Málaga. FOTO: VÍCTOR SALGADO-FCB.

A equipe comandada pelo técnico Tata Martino mostrou que a semana conturbada vivida pelo clube, que contou inclusive com a renúncia de Sandro Rosell como presidente, não afetou em nada o seu rendimento. O FC Barcelona venceu o Málaga por 3 a 0 neste domingo, no Camp Nou, pela Liga Espanhola 2013/14 e recuperou a liderança da competição, agora com 54 pontos em 21 rodadas.

O Barça voltou a falar onde mais gosta – dentro de campo – e aumentou o seu recorde histórico como líder da Liga Espanhola para 59 rodadas consecutivas. Além disso, o resultado serviu para pôr fim a uma turbulenta semana e manter o FC Barcelona no caminho das vitórias no aspecto esportivo, a única prioridade na equipe.

O roteiro de sempre

O FC Barcelona fez o dever de casa desde o começo. Dominou o rival, controlou a posse de bola e as ações ofensivas durante toda a primeira parte, algo habitual nos últimos cinco anos em jogos disputados no Camp Nou. O Málaga apostou pela estratégia mais utilizada pelos rivais: defesa com até nove jogadores e saída rápida no contra-ataque. O planejamento só surtiu efeito no minuto 9, quando Valdés voou no ângulo esquerdo para defender uma falta bem cobrada por Duda…e no minuto 30, quando o goleiro culé voltou a aparecer para fazer outra defeza milagrosa após uma cabeçada à queima-roupa de Pawlowski. Foi todo o perigo oferecido pelo Málaga na primeira etapa.

Gol de Piqué

Entre os dois únicos lances de perigo do Málaga, o Barça já tinha ameaçado o gol de Caballero várias vezes e de distintas maneiras. Alexis mandou uma bola na trave no minuto 4. Pedro pressionava a defesa contrária pela esquerda, Alves pela direita e as finalizações surgiam através de Fàbregas, Messi e Xavi. Mas a bola sempre encontrava um adversário pelo caminho. Isso até o minuto 39, quando a equipe culé conseguiu marcar usando o veneno que mais dano lhe causou até o momento nesta temporada: a bola parada. Xavi cobrou um escanteio, Alexis desviou de cabeça, a bola sobrou para Piqué fuzilar o goleiro rival e abrir o placar para o Barça.

Pedro: decisivo

No segundo tempo, o domínio culé e a pressão asfixiante sobre o Málaga persistiam. Só que desta vez, o Barça não demorou tanto para golpear o rival. No minuto 54, Pedro recebeu um passe de Messi dentro da área. Com calma, driblou o zagueiro e mandou um chute colocado no cantinho de Willy Caballero. Barça 2 a 0. Pouco depois a história se repetiu. Messi lançou Pedro dentro da área, ele avançou e desta vez preferiu dar uma assistência perfeita para Alexis, que só teve o trabalaho de empurrar para as redes. O gol do atacante chileno fechou o placar no Camp Nou e devolveu o Barça à liderança da Liga Espanhola. Alexis e Pedro são os artilheiros da equipe na competição, ambos com 12 gols.

O regresso de Afellay

Outra grande notícia do duelo contra o Málaga foi o regresso aos gramados do atacante Ibrahim Afellay, após mais de um ano e meio sem jogar pelo FC Barcelona. O holandês substituiu o chileno Alexis Sánchez nos minutos finais da partida. Desse modo, o técnico Tata Martino recupera mais um jogador em uma semana importante. O próximo compromisso do Barça será pela Copa do Rei contra o Levante, na quarta-feira, no Camp Nou.

Voltar ao início