fcb.portal.reset.password
Da esquerda à direita, e do alto a baixo; Messi, Claudio Bravo, Mascherano, Alves, Alexis e Neymar Jr

Os seis jogadores do Barça classificados para as oitvavas da Copa do Mundo

Barça are still very well represented at the Brazil 2014 World Cup

Com a fase de grupos da Copa do Mundo prevista para terminar nesta quinta-feira, já se sabe que, no total, seis jogadores do Barça disputarão as oitavas-de-final com suas respectivas seleções, todas sul-americanas: Brasil, Argentina e Chile. A seguir, resumimos como tem sido o Mundial para cada um deles:

Neymar Jr: É o líder ofensivo de sua seleção. Marcou quatro dos sete gols brasileiros nos 249 minutos em que esteve em campo nos três jogos, sendo fundamental para a classificação da equipe de Felipão em primeiro lugar do grupo A. Recebeu o troféu MVP por seu desempenho na estreia contra a Croácia (3 a 1) e pela goleada que fechou a chave, ante Camarões (4 a 1), fazendo “dobradinhas” em ambas as vitórias. No segundo confronto, o Brasil empatou sem gols com o México. Além de lhe conferirem o status de artilheiro parcial da competição ao lado de Messi, os quatro gols de Neymar agora o posicionam como sexto maior goleador da história da Seleção Brasileira (35 gols).
________________________________________
Dani Alves: Scolari confia plenamente no lateral-direito, que atuou durante todos os 270 minutos jogados até agora pelo Brasil, realizando onze desarmes. Com Neymar, enfrentará os colegas de clube chilenos Alexis e Bravo nas oitavas-de-final (sábado 28, 13.00 horas).
________________________________________
Alexis Sánchez: O atacante culé é uma peça muito importante para a equipe de Jorge Sampaoli. Marcou presença na totalidade das três partidas e balançou as redes uma vez (o primeiro gol do Chile na Copa, contra a Austrália, embate que lhe rendeu o troféu MVP). Também foi destaque na vitória sobre a Espanha e na derrota para Holanda.
________________________________________
Claudio Bravo: O goleiro do Chile, desde quarta-feira também novo contratado do FC Barcelona, foi titular em toda a primeira fase do torneio, tomando três gols (um da Austrália e dois da Holanda). Fez intervenções importantes e contabiliza 80% de acerto em defesas. Seu próximo objetivo não é fácil: evitar gols da seleção de seus novos companheiros Neymar e Dani Alves.
________________________________________
Leo Messi: O '10' do Barça e da Argentina está em estado de graça: marcou nos três jogos, sendo que duas vezes no último contra a Nigéria, e é um dos artilheiros, juntamente com Neymar, com quatro gols. Eleito melhor jogador da partida nos três confrontos que protagonizou, é extremamente fundamental para a seleção de Alejandro Sabella. Três de seus gols foram muito bonitos: no primeiro, contra a Bósnia, realizou grande jogada e chutou de fora da área; frente ao Irã, também disparou de longe, desta vez com mais curva do que força; e, contra a Nigéria, anotou o primeiro após disputa de bola na área, e o segundo de falta, com grande categoria. Foi poupado na última meia-hora de partida contra os africanos, para estar totalmente descansado quando comece o duelo de oitavas com a Suíça 8 (terça-feira, 1, 13.00 horas).
________________________________________
Javier Mascherano: Em campo durante os 270 minutos até agora jogados pela alviceleste, Mascherano atuou como sempre fez em sua seleção, de volante defensivo, posição mais avançada da que ocupa no Barça. Sua experiência no trabalho de marcação lhe permitiu realizar um bom número de desarmes (23) e uma porcentagem alta de passes acertados (89,4%).


Voltar ao início