fcb.portal.reset.password

Adriano lamenta um chute de fora da área que não entrou por pouco. / FOTO: Miguel Ruiz - FCB

Os brasileiros Daniel Alves e Adriano Correia, compareceram no último domingo na zona mista do estádio Martínez Valero, após o empate sem gols contra o Elche na LIga Espanhola. Os laterais do FC Barcelona comentaram o resultado e também a expectativa para a grande 'final' contra o Atlético de Madrid, do próximo sábado, no Camp Nou. 

As pessoas deveriam dar mais valor às coisas já que não é fácil conseguir os objetivos

Para o baiano Dani Alves, o Barça já passou de tudo nesta temporada e revelou a única coisa que falta para essa equipe. "Só falta vencer. Teremos uma nova chance de conquistar o título e precisamos de uma vitória para que isso aconteça", disse. Alves também fez questão de lembrar que o sofrimento faz parte dessas situações já que as coisas não são fáceis de conseguir. "As pessoas deveriam dar mais valor às coisas já que não é fácil conseguir os objetivos. Se fosse, os outros já teriam vencido também. Não há vitória sem sofrimento", comentou. 

Para finalizar, Alves garantiu que todos sabem o que têm que fazer. "Estamos diante de uma nova oportunidade de vencer uma Liga e cada um sabe o que deve ser feito. Faremos de tudo para conseguir essa vitória e conseguir o objetivo final". 

Adriano: "Um final emocionante"

O lateral Adriano Correia destacou a emoção da atual Liga. "Um final de Liga emocionante para todos. Teremos a oportunidade de decidir em casa contra o Atlético e devemos usar todas nossas forças nesse duelo. É uma partida única, temos que jogar como se fosse a última e desfrutar ao máximo dessa decisão". 

Adriano também alertou que é preciso ter cuidado com a ansiedade e que o rival já mostrou que é difícil de ser batido. "Há nervosimo e ansiedade. Nessa semana, durante os treinos, temos que controlar isso para no sábado jogar com a cabeça", afirmou. "Temos que vencer e sabemos que o Atlético é um rival complicado. Não conseguimos vencê-los nos cinco jogos que tivemos nessa temporada. Será uma 'final' difícil para um título muito importante para nós", concluiu. 

Voltar ao início